domingo, 20 de maio de 2012

Poucos se Importam




Há pessoas que falam conosco
E para estas, nem damos importância.
E o pior de tudo é que não falam pouco.
Pois estas falam em abundância.

Há pessoas que nos ferem
Sem deixar cicatrizes.
Há pessoas que nos marcam para sempre
Nos deixam mais felizes.

Vários perguntam se estou bem.
Sinceramente acho esta, uma pergunta idiota.
Pois daqueles que me perguntam isso,
Poucos realmente se importam com a resposta.

4 comentários:

  1. Bem certo !
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. rafa...essa foi realmente um choque pra mim!!!foi curto,visceral e lindo!!!por isso dou importancia para palavras diretas,mas que simbolizam e demonstram um choque bem maior de realidade...abraço rafa!!!gostei muito realmente...

    ResponderExcluir
  3. Olá Rafael!
    bela poesia e com uma bela reflexão! Quando dizemos bom dia na realidade estamos peguntando: bom dia? A reflexão nos induz a pensar: que fim deu o bom dia? porque depois do bom dia sempre perguntamos: e ai como está? se a pessoa está bem diz que está bem, se não está diz porque não está, e mesmo se estiver bem isso se chama introdução a uma conversa.
    Poesia muito bem feita e uma reflexão merecida!
    abração!

    ResponderExcluir
  4. Será realmente que as pessoas se importam como as outras se sentem? Ou essas perguntas são feitas apenas por educação, cortesia?

    Òtima poesia...

    ResponderExcluir